Tucanos querem se livrar de Aécio

Aécio Neves

Tucanos querem se livrar de Aécio

Os tucanos estão pressionando novamente Aécio Neves para que ele deixe definitivamente a presidência do PSDB, permitindo, assim, que o partido se mantenha, aparentemente, unido. Para o tucano goiano Fabio Souza “é de bom tom que ele se afaste em definitivo da presidência do partido, pois a sua situação está, a cada dia, mais constrangedora”. Ontem houve reunião no Senado para tentar barrar o STF na punição a Aécio. Claro que o Senado tem que defendê-lo, já que muitos podem ser punidos pelo STF e ninguém sabe quem será o próximo na mira do Ministério Público Federal. Agora é uma questão de sobrevivência. Tem muita gente “enrolada” no Congresso Nacional. E viva a impunidade!

 

Romeu Zema deve ser anunciado hoje como pré-candidato do Novo ao governo de Minas

Os bastidores da política mineira estão de olhos e ouvidos voltados para o evento que o Partido Novo, presidido em Minas por Bernardo Santos, irá promover neste sábado, às 14h, no The One Business, na avenida Raja Gabaglia. Durante o evento, será apresentado o empresário Romeu Zema, do Grupo Zema, de Araxá, como candidato da legenda ao governo de Minas em 2018. O partido, que aposta em empresários sem nenhuma bagagem política, também deve anunciar os nomes de Rodrigo Ferraz, dono da choperia Albano`s e diretor do Festival de Cultura e Gastronomia de Tiradentes, e de Conrado Abreu, sócio fundador do MaxMilhas, plataforma de venda de passagens aéreas compradas por milhas, como candidatos a outros cargos eletivos do partido em 2018, lembrando que nas eleições serão eleitos além do presidente da República e governadores de estado, senadores e deputados federais e estaduais.

  

O PSDB e seus líderes. Ou a falta deles

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal de afastar o senador Aécio Neves, do PSDB mineiro, do Senado e impor recolhimento domiciliar noturno ao tucano, o diretório estadual do partido decidiu adiar o encontro marcado para o início da próxima semana. A reunião foi remarcada para o final de outubro, com a expectativa do assunto já ter sido contornado. O encontro é para debater o cenário político e a estratégia para as eleições do ano que vem. O PSDB é um dos partidos mais rejeitados pelos eleitores.

 

Recuperação da economia pode melhorar popularidade de Temer

Se as previsões do economista Luiz Carlos Mendonça de Barros estiverem corretas, o presidente Michel Temer ainda pode encerrar o seu governo com a sua popularidade bem melhor do que os 3% de aceitação mostrados na pesquisa CNI/Ibope divulgada. O ex-ministro, e ex-presidente do BNDES, acredita que na medida em que a economia e o nível de emprego forem melhorando, a imagem do presidente da República também irá melhorar. A rejeição ao presidente é afetada também pelas denúncias contra ele, apresentadas pelo ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Se Temer escapar da denúncia na Câmara Federal, pelo menos não terá que se preocupar mais com Janot. Uma pedra no sapato a menos.

 

Vereador dá receita para combater virose

 

Esta acontecendo uma indisposição estomacal que tem levado várias pessoas que vão parar nos prontos-socorros: é uma virose, que tem incomodado muita gente e tem gerado uma grande preocupação, mas o vereador Aldair Fagundes (PT) (foto) disse que a população não tem que se preocupar. Segundo ele, quem for acometido por essa virose, que aparece do nada, basta tomar um chá  de flor de mamão e logo é curado. Ele lembrou que qualquer pessoa pode tomar, pois não tem contra indicação e não faz mal. O parlamentar disse que  é importante dá esse alerta e que tem trazido insegurança para a população. Disse ainda que o resultado da flor de mamão é quase instantâneo e resolve o problema, além de ser fácil de achar. Aldair disse que sabe exatamente do que está falando e que quem contrair a virose não tem que se preocupar e resolve com facilidade o problema de saúde.

 

Votos estranhos

Gilmar Mendes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, no julgamento do habeas-corpus em favor do ex-governador Garotinho, do Rio de Janeiro, preso por ordem do juiz Ralph Manhães, da 100ª Zona Eleitoral de Campos dos Goytacazes, por crime eleitoral: “Se não conhece esta matéria, vai para casa. Não aplique o Direito Constitucional da malandragem”. Mendes, claro, votou a favor da soltura de Garotinho. Luiz Fux, ministro do Supremo Tribunal Federal, ao votar pelo afastamento do senador Aécio Neves do Senado, em razão de acusações de corrupção. “Muito se elogia [Aécio] por ter saído da presidência do partido. Ele seria mais elogiado se tivesse se despedido ali do mandato”.