Campanha conscientiza sobre o uso da plaquinha de identificação no animal

A plaquinha ajuda na identificação do dono do animal

A ONG Apelo Canino em parceria com a empresa Cuidado Animal, anunciou que dará início neste sábado (6) a uma campanha ostensiva de identificação dos animais e prevenção à Leishmaniose em Montes Claros. A idealizadora da campanha, a protetora Cecília Meireles, conta que a ideia nasceu depois que ela percebeu que nos grupos relacionados à causa animal, havia um número assustador de anúncios de animais perdidos na cidade.

“Só na página da Apelo Canino, são 600 registros de cães perdidos. A gente imagina que o número de animais perdidos na cidade, seja muito maior que este, se levar em conta que muita gente não tem acesso a rede sociais. Quando uma animal foge, logo pensamos na vulnerabilidade do mesmo nas ruas e todo o sofrimento que estará exposto, sem contar a tristeza da família”, destaca.

Cecília chama a atenção para outro problema que é o crescimento da população canina nas ruas, com a fuga dos animais. “Grande parte dos animais perdidos, não são castrados, e acabam contribuindo com a superpopulação de animais nas ruas”, alerta. Pensando na prevenção como o melhor caminho, vão sair às ruas para conscientizar a população sobre a importância do uso da plaquinha de identificação que pode ser colocada na coleira do animal. O acessório tem espaço para colocar o nome do cão ou gato, e o telefone do proprietário.

A campanha terá inicio nos bairros Morado do Sol, Morada da Serra e Jardim Liberdade. A ideia é visitar todas as casas dos bairros para orientar sobre a importância do uso. “Dentro da campanha também estaremos distribuindo panfletos informativos com medidas preventivas e combate a Leishmaniose, doença que acomete muitos animais na cidade”, conta Cecília. Dentro da campanha serão oferecidas ao público, paquinhas de identificação, coleiras comuns e coleiras repelentes com preços acessíveis. Nesse primeiro momento, apenas os três bairros serão visitados, mas a ideia é expandir a campanha para toda a cidade. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: (38) 3014-0191 e 38 99242-5448 (Whatsapp). (Foto: Divulgação)