PM faz operações contra crimes ambientais na região

Pelo menos sete suspeitos foram capturados no povoado de Canto do Engenho, em Montes Claros, na manhã dessa sexta-feira (11), durante uma megaoperação deflagrada pela 11ª Companhia de Polícia Militar Independente de Meio Ambiente e Trânsito (Cia PM Ind MAT) em parceira com militares do 50º Batalhão da PM. O trabalho focou prevenir crimes ambientais como caça predatória de animais silvestres.

Segundo a polícia, os suspeitos foram presos durante o cumprimento de mandados judiciais, que renderam também a apreensão de oito armas de fogo, dez pássaros, inúmeras redes usadas para pesca ilegal e gaiolas. O trabalho teve como base diversas informações levantadas pelo setor de inteligência da PM em Montes Claros.

OUTRA OPERAÇÃO | Já em São João do Paraiso a PM de Meio Ambiente apreendeu 13 pássaros e aplicou R$8.163,66 em multas, na quinta-feira (10). Segundo a corporação, uma denúncia anônima apontou uma fazenda, na zona rural da cidade, onde um homem, de 66 anos, estaria mantendo aves em cativeiro irregular. Na casa do suspeito, inicialmente, os policiais não encontraram ninguém. As aves, porém, estavam em gaiolas penduradas no quintal do imóvel.

Após a chegada de moradores, os militares iniciaram a abordagem e apreenderam as aves, além de sete gaiolas, um viveiro, uma espingarda e material para carregar a arma. Para os militares o suspeito confessou a propriedade da arma e revelou que as aves seriam do filho, de 29 anos. O segundo suspeito foi encontrado, confessou a criação ilegal de aves e acabou multado em mais de R$8 mil.