Outros três municípios norte mineiros têm situação de emergência reconhecida pelo Governo Federal

O Ministério da Integração Nacional reconheceu, nessa terça-feira (9), a situação de emergência em três municípios afetados pela por estiagem no Norte de Minas Gerais. Foram contemplados pela medida os municípios de Berilo, Rubelita e Juvenilia. A medida garante o acesso de prefeituras às ações de apoio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec-MI) para socorro, assistência, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas danificadas. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) de ontem e os reconhecimentos têm vigência de 180 dias.

A medida garante o acesso de prefeituras às ações
de apoio da Sedec-MI (Foto: Divulgação)

A estiagem prolongada já havia levado o Ministério da Integração Nacional a reconhecer situação de emergência em nove cidades da região. Em abril entraram para a lista de municípios em emergência pela seca, Montes Claros, Bocaiuva, Luislândia, Ponto Chique, Indaiabira, Arinos, Mirabela, Jequitinhonha e Porteirinha.

LEIA MAIS | Minas já registrou mais de 13 mil casos prováveis de chikungunya em 2017

Solicitação de apoio | Para acessar o apoio emergencial disponibilizado pela Sedec, os municípios devem apresentar o Plano Detalhado de Resposta (PDR), por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), disponível no endereço eletrônico www.mi.gov.br/defesa-civil/s2id. Após a análise, se aprovado, o recurso é definido e liberado.