Estado oferece mais 1,2 milhão para Moc reassumir gestão

O Estado ofereceu o incentivo de mais R$ 1,2 milhão por mês para a Prefeitura de Montes Claros reassumir a Gestão Hospitalar, que desde julho de 2015 está sob controle estadual. A coordenadora técnica do Colegiado dos Secretários Municipais de Saúde de Minas Gerais, Paola Soares Motta, se reuniu com o prefeito Humberto Souto, a secretária municipal de saúde, Dulce Pimenta e ainda o superintendente regional de saúde, Maquiedem Durães Viriato, além de técnicos do SUS, quando anunciou que poderá ser repassado esse incentivo de R$ 1,2 milhão por mês do Prohosp Compartilhado, para aliviar o prejuízo atual de R$ 2 milhões por mês.

Mais informações na edição de amanhã do Jornal Gazeta Norte Mineira, versões impressa e online. (Foto: Girleno Alencar)