UFMG começa hoje reposição das aulas em Moc

O Instituto de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Minas Gerais começa hoje a reposição das aulas para os seus 1.105 alunos que estudam em Montes Claros, em razão da paralisação provocada pelos protestos contra a PEC 241 e ainda pela greve dos servidores e professores. A reposição se entenderá até o dia 4 de fevereiro, pois foram 24 dias letivos sem aulas. Será necessário realizar aulas de reposição inclusive aos sábados.  A readequação do Calendário Acadêmico foi definida pela Congregação e segue recomendação do Conselho Universitário da UFMG, após o término dos movimentos grevistas de docentes e técnico-administrativos em educação, além do fim das ocupações estudantis nas unidades da instituição.

A greve deflagrada pelos acadêmicos em Montes Claros
(Fotos: Girleno Alencar)

No dia 8 de março será iniciado o primeiro período letivo de 2017.  O Instituto de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Minas Gerais, sediado em Montes Claros, conta com 1.105 alunos nos cursos de Administração, Agronomia, Engenharia de Alimentos, Engenharia Agrícola e Ambiental, Engenharia Florestal e Zootecnia. Tem ainda 106 alunos em curso de especialização em recursos hídricos e ambientais e mestrados em produção vegetal e animal. No dia 25 de outubro teve o primeiro protesto de advertência em Montes Claros, quando foi impedida a realização das aulas. No dia 2 de novembro foram ocupadas as sedes da UFMG em Montes Claros, em ação que durou quase um mês e impediu a realização das provas do ENEM.