Estado quer implantar equipamento que economiza agua

O secretário estadual Gustavo Ferreira Xavier, de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas (Sedinor), conheceu ontem de manhã o projeto Webagro, desenvolvido na Faculdade de Ciencia e Tecnologia de Montes Claros (Facit), que economiza em 22% a água e 28% a energia elétrica na irrigação e pretende levar esse projeto para toda área mineira da Sudene. Ontem de manhã ele visitou a Fundação Educacional de Montes Claros, mantenedora da Facit e Escola Técnica, quando anunciou que existe interesse de levar essa tecnologia para os pequenos produtores rurais e ainda testar a tecnologia em caráter piloto com 30 pequenos produtores do Norte de Minas, em caráter emergencial.

O secretário Gustavo Xavier visitando a Escola Técnica
(Fotos: Divulgação)

O projeto tecnológico foi desenvolvido pelos acadêmicos Lucas Teixeira Moura Soares e Amanda Costa Guimarães, da Faculdade de Ciencias e nessa quinta e sexta-feiras estará na Feira de Ciências e Tecnologia do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), em Belo Horizonte. Ele permite o  controle a distância da utilização de água para efeito de irrigação. Com esse controle remoto, o produtor evitará o desperdício da água e ainda obterá melhores resultados na irrigação. O projeto teve a supervisão do professor Murilo Pereira Lopes e o patrocínio do empresário Gelson Toledo Silva, que pretende produzir o equipamento em escala industrial.

Na manhã de ontem, durante reunião na FEMC, Gustavo Ferreira explicou que a Sedinor tem se preocupado em buscar tecnologias que reduzam o desperdício de água e por isso, ainda esse mês estará em Israel, onde será trocada tecnologia com o Norte de Minas, já que na época do Ministério da Industria e Comércio, tinha trocado experiência com Israel, na área aeronáutica e os israelenses passariam a tecnologia da água. Ele salienta que atualmente existem nove tecnologias sendo usadas para essa finalidade na Sedinor e com essa da Facit, será a décima.

O presidente da FEMC, Jackson Prates e a superintendente Angela Veloso mostraram que existe amplo interesse de fazer parceria com a Sedinor, seja na área tecnológica, como também social, pois existe o Projeto Juventude Cidadã, que atende as crianças do bairro Conferencia Cristo Rey, ao lado da escola. Porém, como a Prefeitura suspendeu o repasse de recursos, teve de reduzir o atendimento. A Sedinor ficou de estudar como poderá ajudar nessa ação social.