Montes Claros pede aceleração do acesso à tecnologia 

O acesso a tecnologia digital para as regiões mais carentes foi a principal reivindicação dos montes-clarenses Haroldo Morais, da Fundação de Desenvolvimento Tecnológico do Norte de Minas (Fundetec), e Fernando Henrique Toledo Rodrigues, do Conselho de Desenvolvimento Sustentável de Montes Claros, durante o Fórum Técnico Startups em Minas Gerais, realizado em Belo Horizonte na Assembleia Legislativa. Os dois montes-clarenses salientam que algumas localidades, como Uberlândia e Santa Rita de Sapucai, estão bem avançados em tecnologia, enquanto outras áreas estão atrasadas e se o Governo não direcionar seus benefícios para equilibrar essa situação, a tendência é de agravar ainda mais a distância. 
Mais informações na edição de amanhã do Jornal Gazeta Norte Mineira, versões impressa e online. (Foto: Divulgação)