Meio ambiente fiscaliza danos na região do Pentáurea

A Secretaria de Meio Ambiente de Montes Claros realiza inspeção hoje durante todo dia na região de Pentáurea, na zona rural do município, para averiguar denuncias de irregularidades ambientais e que colocam em risco as nascentes de vários rios. O secretário Paulo Ribeiro e o diretor de fiscalização, Eduardo Gomes Assis, explicam que são várias irregularidades a serem averiguadas, como a erosão provocada por areeira que existe ali, assim como os danos causados pela reconstrução da BR 135 a mais de seis anos, sem corrigir os impactos ambientais. Tem também o chacreamento criado nas imediações do clube social e ainda a abertura de área para ampliação da lagoa que existe no Pentáurea Clube.

A fiscalização será realizada em parceria com a ONG Ovive e ainda com a Polícia Militar de Meio Ambiente. Paulo Ribeiro lembra que na tentativa de consertar a lagoa, o clube social realizou mudanças no local, sem medir os impactos ambientais e por isso, a fiscalização definirá quais são as medidas que precisam ser adotadas.“Uma coisa temos consciência: o risco de comprometer as nascentes é grande e por isso, tomaremos as medidas necessárias” – justifica o secretário municipal. Ele explica que mais grave é ainda o loteamento de chácaras com pequenas dimensões e que causam forte dano ambiental.