Diretoria do Sindicato Rural pede permanência de presidente

Em reunião realizada na última semana, membros da diretoria do Sindicato dos Produtores Rurais de Montes Claros discutiram a permanência do atual presidente da entidade, Ricardo Laughton, que também ocupa o cargo de vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG) e preside a Comissão Estadual de Pecuária de Corte.

O Sindicato dos Produtores Rurais de Montes Claros é o órgão de representação legal da classe e, juntamente com outras entidades ligadas à atividade rural, trabalha no sentido de proporcionar melhores condições de desenvolvimento para o ruralista.

Durante o encontro, o diretor Heli Penido ressaltou o apelo da diretoria pela apresentação da chapa encabeçada por Laughton. "Com toda certeza o presidente tem todo nosso apoio e incentivo. Considerando e respeitando a grande contribuição dele para a entidade, fui um dos que apelaram para que ele se disponha novamente ao cargo", afirmou.

Já o vice-presidente da entidade, José Avelino Pereira Neto, Ricardo tem feito um bom trabalho a frente do sindicato, e tem uma relação muito importante com a FAEMG, o que fortalece ainda mais a classe. "A atual administração tem um trabalho de planejamento a médio e longo prazo. Assim, sua permanência é a garantia da conclusão dessas metas", diz.

O diretor Luciano Cardoso afirma que o trabalho de Laughton foi muito frutífero para o Sindicato. O tesoureiro do Sindicato, Francisco Machado Peres, também avaliou positivamente o trabalho da presidência.

Outros líderes também manifestaram apoio ao pleito. O presidente do Sicoob Credinor, Dario Colares Moreira, destacou a gestão como expressiva para a região. Para ele, "é importante que o presidente continue a frente do Sindicato, principalmente considerando a crise enfrentada pelo setor agropecuário na região", considerou. O mesmo apoio foi dado pelo presidente da Sociedade Rural, José Luiz Maia.

Ricardo Laughton também foi convidado pelo presidente da FAEMG, Roberto Simões, para novamente fazer parte da chapa pela diretoria da entidade. As eleições serão no dia 3 de outubro, e Ricardo deve continuar como vice-presidente da entidade, representando o Norte de Minas e Vale do Jequitinhonha. (AF)